Momento 'Não Sei'

Nostalgia!? Não sei... Lembranças ?? Sempre. 

São elas que nos fazem perceber que a vida anda, que o mundo gira e que as pessoas crescem.

Lembranças da infância, dos tempos sem compromissos, sem responsabilidade, onde as maiores preocupações eram inventar uma boa desculpa para dar aos pais por chegar todo sujo de terra em casa, com o uniforme do colégio imundo... Lembranças de como tudo começou... O gosto pela 'arte de lecionar'... O gosto pela 'música caipira' (que não é a primeira hoje em opção, mas que sempre presente depois de umas doses e outras)... O gosto pela dança... pela alegria... pelo Viver.

Gostar. Assim. Gostar de alguém, gostar de mim...

E entre lembranças e lembranças caiu aqui uma música da dupla Rick e Renner, que nem sei se existe mais, mas que eu ouvia muito quando mais moço. Meu irmão - sempre fã desse estilo de música - me ensinou a gostar, respeitar e cantar... 

E hoje em meio à lembranças e cenas da vida de outrora eles apareceram. E a música é linda: Da Terra ao Céu. 
Quem quiser curtir clica no link acima, e se só quiserem ver a letra, segue abaixo:


Andando na avenida dos meus sonhos
Peguei na tua mão feito um menino
E no café das ilusões perdidas
Tentei ressuscitar nossos destinos.


Sabíamos tão pouco dessa vida
Jogamos fora a toa tanto tempo
Tentando achar a porta de saída
Tentando renegar o sentimento.

E outra vez aqui estou
Pela força irresistível desse amor.


Hoy quiero celebrarte vida mía/ Por tu amor sincero
Porque no sé decirte día a día/ Como yo te quiero.
Hoy quiero celebrarte vida mía/ Por tu amor sincero
Y quiero regalarte una alegría/ De la tierra al cielo.
Oh, oh, oh, oh, como yo te quiero/ Oh, oh, oh, oh, de la tierra al cielo.


Perdoa cada lágrima caída
E coisas que te fiz e não me lembro
Você é como o sol da minha vida
Você é estrela do meu firmamento.


Apaga os meus pegados da memória
Se lembra que eu te amo e te desejo
Vamos recomeçar a nossa história
O meu sorriso é triste sem teu beijo. 


Y ya vez, aquí estoy/ Por la fuerza inusitada del amor.
Hoy quiero celebrarte vida mía/ Por tu amor sincero
Porque no sé decirte día a día/ Como yo te quiero.
Hoy quiero celebrarte vida mía/ Por tu amor sincero
Y quiero regalarte una alegría/ De la tierra al cielo.
Oh, oh, oh, oh, como yo te quiero/ Oh, oh, oh, oh, de la tierra al cielo.


Um brinde pelas doces lembranças
Um brinde pela felicidade.
Oh!!! Meu amor estou aqui
Meu amor eu preciso de um beijo.


Na mágica de um simples beijo
Encontro o Céu aqui na Terra
Quero você a vida inteira
Pra ser a minha companheira.


Na mágica de um simples beijo
Encontro o Céu aqui na Terra
Vou celebrar essa noite contigo
Porque você vem comigo.


Fonte: Vagalume

2 comentários:

  1. Querida Alma Magra em Cristo
    Imensas saudades de ti.
    Santo Ósculo em seu coração!

    ResponderExcluir
  2. Oi Rodrigo, eu sou do blogviciadaemladygaga!
    Tudo bem??
    Que vamos ser seguidores juntos? vamos fazer parceria? eu divulgo o seu que eu divulgo o meu!
    Me manda seu msn??
    A responta, me add no msn ou me manda um comentário no blog.
    http://blogviciadaemladygaga.blogspot.com/

    Meu msn é: ggarcia12@windowslive.com

    ResponderExcluir

Dê a sua opinião...
Apenas tenha bom senso e seja educado(a)

:)