13/30 - Alunos são sempre os mesmos.

Que aluno nunca disse (ou no mínimo pensou algo parecido) "Quando o professor está com preguiça de preparar e dar aula ele nos dá seminários" ?? Pois que atire a primeira pedra quem nunca cometeu esse grande pecado.

E falo grande porque hoje compreendo a importância dos seminários em sala de aula... E esse pecado eu também já cometi, em meu primeiro ano de faculdade, mas foi mais pela circunstância do que pelo sentimento. O fato é que cometi. 

A maioria dos alunos está acostumada com uma forma de ensino na qual o professor está lá na frente da sala, falando falando falando para os que querem ouvir. Os alunos ficam sentados ouvindo (ou na maioria dos casos fingindo que ouvem, e fazem mil e uma coisas durante as aulas que consideram tediosas) tudo o que é dito lá na frente, querendo apenas estudar para decorar a matéria que vai cair na prova, sem a preocupação de aprender o que está estudando, e principalmente de compreender o porquê do ato desse aprender.

O erro é dos alunos ?? Talvez. Mas o erro também é do Governo, que deveria oferecer um ensino de qualidade desde as séries iniciais até os cursos de graduação e pós-graduação.

O fato é que o brasileiro não sabe aprender. Nossos alunos se preocupam apenas em 'passar de ano', conseguir um diploma e acreditam que com isso tem um lugar garantido no mercado de trabalho. Nossos alunos querem conteúdos mastigados, e quando encontram um professor que lhes aplica atividades que exijam um pouco mais de pensamento crítico, por não estarem preparados, colocam-se em uma posição de defesa, atacando o professor que está ocupando um lugar de carrasco em suas vidas.

Concordo se me disserem que tem professores que não tem vontade de elaborar aulas e que por isso promovem discussões desencabidas e seminários sobre temas que talvez não tenham fundamental importância para a formação de seus alunos. Mas também concordo com os professores que dão aulas, preparam conteúdos e colocam seus alunos para fazerem seminários, os quais esses professores vão assistir e devolver um feedback com os pontos positivos e negativos da apresentação, mostrando aos alunos se eles aprenderam ou não o que lhes foi proposto.

E tenho certeza que muitos alunos sabem que os seminários são importantes mas não querem admitir, preferindo adotar o papel de vítimas que sofrem por ter que ler páginas e páginas de textos. Mas o mercado de trabalho na maioria das vezes não vai aceitar seu papel de vítima quando você disser que não sabe fazer determinada atividade porque seus professores nunca lhe ensinaram... Ou o mercado não vai ser condescendente com alguém que não consegue expressar suas idéias em público, simplesmente porque esse indivíduo não quis participar dos 'perigosos seminários' desenvolvidos no ambiente que deve proporcionar o aprendizado. Mercado de trabalho é um lugar para aprendizado também, e riquíssimo por sinal, mas é principalmente um lugar para práticas que foram aprendidas durante os cursos de formação, sejam eles cursos técnicos, de graduação, tecnólogos, de pós-graduação, ou outras modalidades.

E se você estudante que está passando por aqui ainda não pensou no que acontece quando apresenta um seminário, pare e pense: Você deve estudar muito o conteúdo, conseguindo assim maiores chances de aprender o tema; estudar conteúdos correlatos para compreender e poder explicar os porquês de cada condicionante no trabalho apresentado; se preparar para falar em público, pois estará apresentando um trabalho para colegas e professores, que podem lhe auxiliar nessa tarefa de encarar uma platéia, com a vantagem de que vai receber um feedback com dicas de como pode melhorar suas formas de comunicação; melhorar a capacidade de síntese, pois nem tudo o que você ler poderá ser apresentado, cabendo aos apresentadores selecionar o que é mais importante e apresentá-lo de forma clara; e outros fatores que cada um pode perceber de acordo com suas próprias habilidades, ou inabilidades.

Enfim... Os seminários são importantes sim, e embora o professor esteja com preguiça de dar aula e tenha lhes programado seminários, aproveite. Estude, prepare-se, entenda o conteúdo, pois é essa uma das maneiras de trabalhar a questão da efetividade na compreensão dos conteúdos estudados em sala de aula. 

Um comentário:

Dê a sua opinião...
Apenas tenha bom senso e seja educado(a)

:)